O Misantropo Enjaulado

O optimismo é uma preguiça do espírito. E. Herriot

Thursday, October 19, 2006

Uma Noite Ma(is)

Foi a do 19 de Outubro de 1921. Os principais assassinados dessa famosa Noite Sangrenta tinham todos pegado em armas para instalar ou conservar a República: Machado Santos e Carlos da Maia na Rotunda, António Granjo na defesa de Chaves contra Couceiro. Por armas dos próprios republicanos morreram. A mentira e a confusão, esses dois supremos expoentes da ética republicana tentaram culpar os Monárquicos, pela pena de Procópio de Freitas, ou Vermelhos, pela de Camilo de Oliveira, tudo para procurar isentar os verdadeiros responsáveis, as facções do regime, não notando que umas acusações exterminavam a credibilidade das outras. Mas continuou, com Barbosa Viana a influir e a Viúva de Maia a doridamente alinhar na patranha, sabendo-se como continuamente puseram palavras na boca do chefe dos assassinos, o Dente de Ouro, para salvar a imagem do regime.
A depuração dos sidonistas, os homens dessa experiência que quis dar ao País uma unidade nacional que não hostilizasse os monárquicos, caiu às mãos de marinhagem e guardas republicanos, duas tropas de choque do infame poder que se lhe seguiu. E pode-se responder a Berta Maia: "o seu marido caiu porque as revoluções acabam por devorar os seus filhos e os moderados são as vítimas mais tenras".

8 Comments:

  • At 11:06 AM, Blogger João Villalobos said…

    A MÁQUINA DO TEMPO
    40 ANOS DO JOÃO VILLALOBOS

    4 DÉCADAS DE MÚSICA = 4+1 dj's: Miguel Cadete, Miguel Somsen, Nuno Costa Santos, Luís Villalobos + Fever Pitch

    Quando: 4 de Novembro, Sábado, das 23.00 às 05.00h.
    Onde: Grémio Lisbonense, Rua dos Sapateiros, 226, 1º

    Informação relevante: Só a primeira bebida é à borla. As restantes nem por isso. TRAGAM QUANTAS PESSOAS QUISEREM. ISTO VAI SER O CAOS! :)

     
  • At 11:16 AM, Blogger Paulo Cunha Porto said…

    Bem, Não era esta noite que eu tinha em mente...
    Meu Caro João, lá estarei, com todo o gosto.
    Abraço.

     
  • At 11:42 AM, Blogger João Villalobos said…

    Isso. E informa por favor aqueles de quem não tenho o contacto (Alcino e tutti quanti sem esquecer as minhas saudosas colegas). Entretanto ligo-te a parabenizar-te :)
    Abraço
    P.S. Conhecerás finalmente o Luís Rodrigues, I hope.

     
  • At 11:52 AM, Blogger Paulo Cunha Porto said…

    Ora bem! E eu que ia desafiar-Te para um almocito antes da Data, para onde O arrastasses...

     
  • At 2:16 PM, Blogger MissPearls said…

    João,
    Vejo que libertou o misantropolo da sua jaula por umas horas!
    Então lá nos encontraremos. Eu vou de template amarelo.
    :)

     
  • At 2:57 PM, Blogger JSM said…

    Afinal continua a haver gente a tentar desviar as atenções sobre os crimes da primeira república! Caro Paulo Cunha Porto este tema sempre foi desvalorizado, como sabe, até durante o Estado Novo. O tal problema que Você foca do 'governo de coligação'! Mas eu hoje não vou bater no ceguinho, esteja descansado, não quero desviar também as atenções do inimigo principal, a saber: estes republicanos que nos desgovernam, filhos legítimos daqueles que nessa noite andaram a eliminar os mais ingénuos desse filme tâo antigo!... Um abraço, sem remoques para os seus amigos visitantes.

     
  • At 3:57 PM, Anonymous mj said…

    Noite Sangrenta
    Em que tanto sangue jorrou.
    Tombou muita gente,
    A República envergonhou.

    Mostraram as garras,
    Assassinaram sem pudor
    Republicanos, carbonários,
    Espalharam a dor

    Portugueses Honrados,
    Pessoas de Bem,
    Todos assassinados,
    Sem olhar a quem.

    República de assassinos,
    Sem julgamento ou perdão!
    Mortos inocentes,
    Sua Morte não foi em vão!

     
  • At 7:11 PM, Blogger Paulo Cunha Porto said…

    Querida Miss Pearls:
    Caso para dizer que o João vai ter uma Visita de Ouro!

    Meu Caro JSM:
    «Os mais ingénuos», diz muitíssimo bem, aqueles que enfileiraram por um «republicanismo de reacção ao oartidismo parlamentar, na expressão inigualável de Mestre Sardinha.

    Meu Caro MJ:
    Não foi realmente, que a partir desse desgraçado episódio o Exército começou a escutar a voz de toda a Nação não alinhada com as fraudes e caciquismos eleitorais dos Costistas, no sentido de que aos militares não competia andar a mudar ministérios, senão que era imperioso trocar de regime.
    Abraços aos Três.

     

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home

 
">
BuyCheap
      Viagra Online From An Online pharmacy
Viagra